Nesta terça feira, 27, as bancadas do PSD e PSC apresentaram juntas, três requerimentos relacionados às investigações da 48º fase da Operação Lava Jato, que tem foco nas concessões de pedágio do Paraná.

O primeiro requerimento é para o Governo do Estado, pedindo a extinção do contrato com a Econorte, e nulidade dos aumentos sucessivos na tarifa.

Para o Tribunal de Contas, foi encaminhado pedido de auditoria nos contratos e aditivos, e atualização das planilhas de obras e preços de tarifas da Econorte.

Finalmente, para a Agência Reguladora do Paraná que fiscaliza as concessões públicas no Estado, foi solicitado análise técnica das planilhas de obras e de evolução de preço das tarifas.

Ratinho Junior, presidente do PSD, destacou que a 48º fase da Lava Jato da Polícia Federal, expôs uma série de irregularidades na forma de gestão do Contrato da Econorte.

width=216